Guia de migração (Chrome 92): Da Conversion Measurement API para a Attribution Reporting API

A API Conversion Measurement (mensuração de conversão) está mudando no Chrome 92.

Published on Updated on

Translated to: English, Español, 한국어, 中文, Pусский, 日本語, Français, Deutsch

Se você tiver dúvidas ou precisar de suporte durante a migração, inscreva-se na lista de e-mails e faça sua pergunta.

O que está mudando?

Seguindo as mudanças na proposta da API nos primeiros meses de 2021, a implementação da API no Chrome está evoluindo. Eis o que está mudando:

  • O nome da API e o nome da política do recursos.
  • Os nomes dos atributos HTML e URLs .well-known
  • O formato dos relatórios. Os relatórios agora são enviados em formato JSON no corpo da solicitação.
  • O conteúdo dos relatórios: o credit foi removido, junto com os relatórios que teriam 0 crédito.

O que permanece inalterado no Chrome 92 é o conjunto de recursos suportados: relatórios em nível de evento, apenas para cliques. Aguarde atualizações nessa área. Depois dessa mudança, outras atualizações e recursos serão lançados em futuras versões do Chrome.

Para receber atualizações sobre o ensaio de origem para esta API e os próximos recursos, inscreva-se na lista de e-mails.

Quando essas mudanças entram em vigor?

Essas alterações entram em vigor a partir do Chrome 92, estável em 20 de julho de 2021. O Chrome 92 beta foi lançado em 3 de junho de 2021.

O que você deve fazer?

Mais mudanças na API virão em versões futuras. Eles usarão a nova nomenclatura adotada no Chrome 92.

Se você estiver executando um ensaio de origem ou implementou uma demo para esta API, você tem duas opções:

  • Opção 1 (recomendada): migre seu código agora ou nas semanas seguintes, de preferência antes de meados de julho de 2021. Dessa forma, sua base de código estará pronta para alterações futuras e continuará funcionando nos clientes Chrome mais recentes.
  • Opção 2: aguarde o lançamento de mais atualizações e recursos em versões futuras do Chrome e faça todas as alterações de código necessárias de uma só vez.

Migração

Exemplo de migração

Você pode ver um exemplo de migração para um pequeno aplicativo de demonstração nesta solicitação pull (rascunho) .

Atualize seu código de política de recursos

Código legadoCódigo novo
allow='conversion-measurement'allow='attribution-reporting'

Atualize seu código de detecção de recurso

Código legadoCódigo novo
document.featurePolicy.features()>br>.includes('conversion-measurement')document.featurePolicy.features()>br>.includes('attribution-reporting')

Atualize os atributos HTML

Código legadoCódigo novo
conversiondestinationattributiondestination
impressiondataattributionsourceeventid
impressionexpiryattributionexpiry
reportingoriginattributionreportto

Atualize os argumentos window.open()

Uma fonte de atribuição pode ser registrada para navegações iniciadas por window.open(). Atualize essas chamadas se você estiver usando window.open() para registrar fontes de atribuição.

Seu novo código ficar como mostrado a seguir (essa mudança de nomenclatura está de acordo com Mudança de nomes de atributos HTML):

window.open(
'https://dest.example',
'_blank',
'attributionsourceeventid=1234,attributiondestination=https://dest.example,attributionreportto=https://reporter.example,attributionexpiry=604800000'
);

Atualize a URL e parâmetro da sua chamada de registro

Código legadoCódigo novo
.well-known/register-conversion?conversion-data={DATA}.well-known/attribution-reporting/trigger-attribution?trigger-data={DATA}

Atualize o código do seu endpoint de relatórios

Código legadoCódigo novo
Solicitações a serem esperadas do navegador.well-known/register-conversion?impression-data=&conversion-data={DATA}&attribution-credit=100.well-known/attribution-reporting/trigger-attribution>/td> >/tr> >tr> >td>Incoming reports>/td> >td>Enviados como parâmetros de URL.>/td> >td>Enviado como JSON no corpo da solicitação.>br> >br> Os dados do relatório estão incluídos >strong>ino corpo da solicitação como um objeto JSON>/strong> com as seguintes chaves:>br> >code>source_event_id: formerly impression-data, ID de evento de 64 bits definido na fonte de atribuição.
trigger_data : anteriormente conversion-data , o conjunto de dados de 3 bits no redirecionamento do acionador de atribuição.

⚠️ credit foi removido.

Last updated: Improve article

We serve cookies on this site to analyze traffic, remember your preferences, and optimize your experience.